50 artistas intervêm em prédio condenado de Paris

Construído como um balneário municipal no final do século 19, Les-Bains Douches virou um dos clubes mais quentes da noite em Paris. Conhecido simplesmente como Les Bains, tornou-se um destino para os gostos de Kate Moss, Mick Jagger, Johnny Depp e até Andy Warhol. Por causa de um problema na sua estrutura em 2010, o edifício foi declarado um risco para a segurança. Agora, está prevista uma renovação completa: Société des Bains terá um novo espaço que será aberto em 2014. O proprietário Jean-Pierre Marois entregou o prédio para 50 artistas de rua, escolhidos por Magda Danysz Gallery que vêm trabalhando desde janeiro deste ano para transformar o prédio decadente em uma tela infinita de obras de arte.

Por enquanto, o espaço encontra-se fechado ao público. Porém, é possível conferir algumas das obras em andamento através das imagens feitas pelos fotógrafos Stephane Bisseuil e Jérôme Coton, confira:

lesbains-1 lesbains-2 lesbains-3 lesbains-4 lesbains-6 lesbains-7 lesbains-8 lesbains-9 lesbains-11 lesbains-12 lesbains-14 sambre-1 sambre-2

Fonte: Thisiscolossal

Share