Instalação artística contra ataques de drones no Paquistão

Com a ajuda de moradores, um coletivo de artistas, incluindo o artista francês JR instalaram um retrato enorme de um menino sobrevivente de um drone (veículo aéreo não tripulado), em uma região fortemente bombardeada do Paquistão, chamada Khyber Pukhtoonkhwa, onde os ataques de drones acontecem regularmente. Na gíria militar, os operadores de drones são chamados de “predators” e e as mortes são chamadas de “splats bug“, uma vez que a visualização do corpo através de uma imagem de vídeo granulado dá a sensação de um inseto que está sendo esmagado.

O projeto intitulado Not a Bug Splat visa dar um rosto humano às mortes de civis em ataques de drones norte-americanos. Agora, quando visto pela câmera, o que um operador vê em sua tela não é um ponto anônimo na paisagem, mas o rosto de uma vítima inocente.
drone drone2 crowd_with_poster drone3

Via Junk Culture

Share