Filme fotográfico consumido por fungos

“Impermanência” é uma série de retratos do fotógrafo e microbiologista coreano Seung-Hwan Oh. Ele banha seu filme em uma cultura de cogumelos antes de revelar. Os fungos vão devorando e corroendo o filme, criando assim, composições grotescas, abstratas e até um pouco dolorosas aos olhos.

Impermanence-1

“Como os micróbios consomem a química sensível à luz, ao longo de meses ou anos, os halogenetos de prata se desestabilizam ofuscando a legibilidade do primeiro plano, fundo e escala. Isto cria uma estética de criação destruída que é inevitavelmente efêmera, e resulta em desintegração completa do filme de modo que possa apenas ser delicadamente digitalizado antes de ser consumido” – Diz Seung-Hwan em seu site.

Impermanence-12

Impermanence-2

Impermanence-3

impermanence-7

impermanence-8

Impermanence-4

impermanence-5

Impermanence-10

 

Share