Conheça o banco de imagem feito por ribeirinhos da Amazônia

Conheça o banco de imagem feito por ribeirinhos da Amazônia

Os bancos de imagem estão cada vez mais modernos, os designers e clientes querem imagens mais reais e nítidas. Pensando nisso, uma startup resolveu criar o Amazônia Stock, um banco de imagem com imagens da região Amazônica. Saiba mais!

Sobre o site

O Amazônia Stock é uma startup de impacto social que tem o objetivo de compartilhar com o mundo um olhar local da Amazônia. A ideia do projeto é criar oportunidades de renda para os locais, divulgando também a beleza da Amazônia. Uma curadoria específica e individual das imagens é feita para que a resolução, a qualidade e o formato permaneçam sempre o mesmo, apenas após essa curadoria as imagens são colocadas no site para comercialização.

Sobre os fotógrafos

Os fotógrafos se dividem entre fotógrafos convidados, colaboradores e ribeirinhos. O objetivo é incentivar o lado criativo e empreendedor dos jovens, dando também a oportunidade a outros fotógrafos que já possuem contato com essa região. Você também pode se juntar ao site e compartilhar seus lucros para ajudar a população local.

Sobre os preços

Os preços das fotos giram em torno de R$250 cada, mas se compararmos com os bancos de imagem americanos que cobram em dólar e que comprando na Amazônia Stock você está ajudando o povo local, com certeza vale o investimento. Ao comprar uma foto você sabe exatamente qual comunidade será beneficiada com sua compra.

Fotógrafos que se destacaram na Amazônia

Há uma lista até extensa de fotógrafos que se destacaram com os trabalhos que fizeram em regiões da Amazônia, confira a seguir alguns deles!

Sebastião Salgado

Um dos mais conhecidos e renomados fotógrafos brasileiros, Sebastião Salgado sempre foi muito preocupado com as causas ambientais, principalmente com a Amazônia e fez registros incrível por lá.

Araquém Alcântara

Focado no registro da natureza, Araquém Alcântara possui um livro que une 22 anos de pesquisas sobre a Amazônia.

João Farkas

Além de fotógrafo, João também é filósofo e em boa parte da sua vida ele passou registrando a natureza, incluindo a Amazônia e o Pantanal.

Cláudia Andujar

Cláudia nasceu na Suíça, mas se naturalizou brasileira e sempre registrou e defendeu os Índios Yanomamis, que vivem na floresta Amazônica. A fotógrafa traz um olhar profundo sobre o povo que habita as florestas.

Foto de Capa: Nicholashan/Depositphotos.com Fonte: CasaCor

Graduada em Relações Públicas pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), especialista em Mídias Digitais pela Universidade Positivo e Mestranda em Administração pela PUCPR. É criadora do blog pippoca.com, atua como pesquisadora, é autônoma e já atuou em agências de publicidade. É uma entusiasta da criatividade e de tudo que envolve o processo criativo.