A nova tendência dos estúdios fotográficos self-service

A nova tendência dos estúdios fotográficos self-service

Conheça a tendência dos estúdios fotográficos self-service

Desde a chegada da selfie e das redes sociais no dia a dia das pessoas o mercado tem se adaptado de acordo com o comportamento do consumidor. A partir do dia em que a apresentadora Ellen DeGeneres tirou uma selfie no Oscar de 2015, a maneira que as pessoas vêm tirando fotos mudou drasticamente e recentemente uma nova era vem surgindo, a dos estúdios fotográficos self-service. Continue a leitura para saber mais.

Nossa relação com as fotos                               

A marca de eletrônicos, inclusive de celulares, Samsung, realizou uma pesquisa para descobrir o comportamento das pessoas, inclusive dos brasileiros, em relação às fotos. A pesquisa mostrou que as nações asiáticas e latinas estão entre as que mais apreciam tirar fotos, já o brasileiro, mais do que tirar fotos de si, gosta de incluir mais gente na imagem. O estudo revelou que 72% dos entrevistados tiram fotos com familiares e amigos, seguido de fotos sozinhos com fundo de paisagem ou natureza (34%), seguido por fotos sozinhos (29%).

A era dos estúdios self-service

O conceito de estúdios self-service não é novidade, pois desde 2010 com o avanço dos smartphones esse tipo de negócio começou a avançar junto. A grande diferença é que graças às redes sociais, principalmente com a popularização do TikTok, mais pessoas começaram a procurar esse tipo de serviço.

O espaço oferece basicamente uma experiência com espaços temáticos que permitem temas e atualizações frequentes. Dessa forma, os estúdios são um tipo de serviço e produto híbrido que cria algo tangível e que também é compartilhado nas redes sociais. Os espaços geralmente oferecem cenários variados, com direito a iluminação profissional para garantir as melhores fotos, tudo isso por um preço único.

O primeiro estúdio self-service do Brasil

O primeiro estúdio fotográfico self-service do Brasil fica na cidade de Curitiba (PR), o local chamado de Selfie Brasil conta com 20 cenários diferentes, iluminação profissional, tripé com bluetooth e monitores para auxiliar na captura das fotos. Por R$70 é possível usar o local por uma hora, também é possível reservar por mais tempo. O estúdio pretende estar disponível em várias localidades por um curto período de tempo, mas a Selfie Brasil ainda não divulgou qual será seu próximo destino.

As redes sociais e a tecnologia são capazes de mudar o comportamento das pessoas e o surgimento dos estúdios self-service nos mostra que o mercado deve estar atento às tendências no mundo online para identificar novas oportunidades.

Fontes: Meio e Mensagem, FHOX

Graduada em Relações Públicas pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (PUCPR), especialista em Mídias Digitais pela Universidade Positivo e Mestranda em Administração pela PUCPR. É criadora do blog pippoca.com, atua como pesquisadora, é autônoma e já atuou em agências de publicidade. É uma entusiasta da criatividade e de tudo que envolve o processo criativo.